Últimas >>
Drop Down MenusCSS Drop Down MenuPure CSS Dropdown Menu

terça-feira, 30 de julho de 2019

PSB recebe centenas de simpatizantes em todo o Brasil e se fortalece com ações do MPS nas igrejas, sindicatos, universidades e quarteis

Após diversas articulações políticas com vários dirigentes nacionais de movimentos sociais e sindicais, envolvendo a CONTAG, MST, FNL, CMP, MTST, MAB e centrais sindicais em que trouxe para o PSB diversos dirigentes nacionais dessas entidades; entre eles 04 diretores da CONTAG, 07 presidentes das FETAGs – Federações de Trabalhadores Rurais e centenas de dirigentes municipais de mais de 500 sindicatos camponeses, dentre outros dirigentes das entidades acima citadas para o Movimento Popular Socialista, o Secretário Nacional do MPS, advogado Acilino Ribeiro, considerado hoje um dos principais líderes da esquerda brasileira e o principal porta-voz dessa corrente no partido, mais uma vez ampliou o leque de alianças com setores da sociedade civil e trouxe agora para o PSB diversos líderes de movimentos sociais ligados as igrejas católica, evangélica e ortodoxa cristãs em praticamente os 26 estados do país e no Distrito Federal. 

Após participar do Encontro Nacional Fé e Política a quinze dias atrás onde manteve diversos contatos e ao mesmo tempo articulou a vinda de vários líderes das CEBs – Comunidades Eclesiais de Base e das diversas pastorais além de vários grupos religiosos. 

Acilino Ribeiro viajou a outros estados mantendo os contatos necessários a filiação dessas lideranças e prepara para as próximas semanas os dias nacionais de luta do MPS, que envolvem: um Dia Nacional de Recrutamento e Filiação ao PSB; um Dia Nacional de Organização dos Núcleo de Base; um Dia Nacional de Formação Política, um Dia Nacional de Organização Municipal e um Dia Nacional de Mobilização em Defesa da Pátria Ameaçada e da Soberania Nacional. 

Essas atividades já contariam com a participação dos milhares de novos militantes que agora buscam o PSB como alternativa a esquerda no país após um avanço considerável do MPS junto aos setores populares e mais progressistas da sociedade, numa estratégia traçada e desenvolvida pelo Secretário Nacional do Movimento Popular Socialista, Acilino Ribeiro, que nos últimos dois meses visitou metade dos estados brasileiros e diversas cidades do interior do país buscando transformar o MPS num movimento não só de quadros mas de massa e com muita penetração junto aos movimentos sociais.


Dentre as estratégias traçadas pelo líder do MPS estão a apresentação de mais de quinhentas candidaturas a vereador pelo segmento do PSB em todo o país. Pois, mais de trezentos líderes desses movimentos estão vindos para o PSB e devem se candidatarem nas próximas eleições como militantes do MPS. 


Acilino Ribeiro recentemente passou pelos estados de São Paulo, Mato Grosso do Sul, Goiás, Pará e se encontra agora no Piauí onde declarou que “O PSB será a grande alternativa da esquerda brasileira nestas próximas eleições, o maior partido da esquerda no país e o MPS o maior movimento de massa do Brasil”, afirmou. 

Acilino articula com os secretários estaduais do Movimento Popular Socialista – MPS várias manifestações populares onde o segmento terá participação, dentre elas na Marcha das Margaridas, onde articula a participação de dezenas de suas militantes, a defesa da soberania nacional com um grande ato convocado para o dia 08 de agosto próximo, dentre outras atividades, como buscar formar Núcleos de Base do MPS nos sindicatos camponeses, universidades, igrejas, torcidas organizadas de times de futebol e nos quarteis, numa ousada ação de avanço político, conforme estratégias traçadas. 


Acilino Ribeiro convocou toda a militância do PSB para ir as ruas contra o governo Bolsonaro e o MPS em parceria com outros movimentos buscar construir uma unidade das forças progressistas e participarem de grandes manifestações de massa no país.


Por Katharina Garcia - AGNOT – 29\07\19 - KG

Nenhum comentário:

Postar um comentário



imagem-logo