Últimas >>
Drop Down MenusCSS Drop Down MenuPure CSS Dropdown Menu

quinta-feira, 7 de maio de 2020

ENTREVISTA RAFAEL PRUDENTE | Estamos seguros na recuperação da economia do DF

Em entrevista a portais de notícias de Brasília, presidente da Câmara Legislativa afirma que o objetivo é salvar vidas e depois a economia, principalmente os pequenos comércios.

As autoridades de saúde do Distrito Federal estimam que o pico da contaminação da Covid-19 ocorra na segunda quinzena de julho. A medida que os testes em massa são ampliados, mais seguro fica o controle da doença. São medidas seguras e ordenadas para superar a pandemia.

Durante entrevista a portais de notícias de Brasília, na tarde desta quarta-feira (6), o presidente da Câmara Legislativa, deputado Rafael Prudente (MDB), foi enfático: o objetivo principal é salvar vidas. E que estudos e ações já estão sendo feitos para amenizar o impacto sobre a economia de Brasília.

A recessão é uma realidade pós-pandemia, não só no Distrito Federal, mas em todo o mundo. Vai se sair melhor quem se planejar com antecedência e implantar as melhores ideias.

O comércio do Distrito Federal deve reabrir na próxima segunda-feira (11). A Justiça Federal suspendeu a reabertura. A medida determina a visita de uma comissão do Poder Judiciário à sala de situação – que monitora os casos do novo coronavirus, no Palácio do Buriti – nesta quinta-feira (7), para então reavaliar a proibição.

O Legislativo vai participar da reunião. Segundo Rafael Prudente, a decisão assinada pela juíza Kátia Balbino de Carvalho, da 3ª Vara Federal Cível, é mais uma medida para uma reunião de trabalho e o Judiciário se inteirar do que está sendo feito pela equipe de governo e do Legislativo.

A juíza, atendeu a uma ação civil pública movida pelo Ministério Público Federal, Ministério Público do Distrito Federal e Ministério Público do Trabalho. A partir dessa reunião a decisão pode ser reavaliada.

“Entendemos a preocupação da justiça. O que ela fez foi bloquear a abertura, mas o governo está muito seguro e vamos sanar todas as dúvidas da juíza para garantir a reabertura da economia”, declarou Prudente.

Para o presidente do Legislativo, o governo do DF está com a curva controlada. O pico é porque está se testando mais. “Estamos muito seguros dessa reabertura do governo, porque o governo terá disponível mais 600 leitos caso sejam necessários para utilização da população. O governo não vai fazer nenhum tipo de loucura. Tudo que está sendo feito tem respaldo técnico”.

Rafael Prudente também diz acreditar que o Distrito Federal vai virar o ano menos no vermelho. “Estamos trabalhando, Câmara e governo, em conjunto, para minimizar o máximo os impactos.

É preciso ajudar os microcomerciantes

Prudente revelou que o Legislativo está afinado com a equipe econômica do governo, e que uma preocupação principal é com os pequenos e os micros. “São eles que tem a maior dificuldade de conseguir financiamentos. Essas dificuldades porque os cadastros não passam. Estamos trabalhando para superar os limitadores do banco. Criar um fundo garantidor de R$ 500 milhões. Nada mais é do que um programa de financiamento menos burocrático. Crédito para os pequenos poderem conseguir capital de giro, manter seus negócios e continuar gerando os empregos”.

Resposta rápida

Outra preocupação do parlamentar durante a pandemia, foi o de dar continuidade nos trabalhos da Câmara Legislativa. Não parar os trabalhos, no momento de dificuldades em que a população precisa. “Mostramos que somos proativos, que a Câmara não parou, e buscarmos dar todas as respostas que a população precisou. Aquilo que o governo precisou anunciar tinha que passar pelo crivo do Poder Legislativo. E demos a nossa contribuição. A gente trabalhou para dar resposta rápida.

A Câmara Legislativa, lembrou Prudente, foi a primeira assembleia legislativa a fazer uma sessão remota, depois do Senado. “Isso foi possível porque fizemos investimentos internos no ano passado, informatizando a casa. Assim conseguimos nesse período de pandemia ter dado as respostas à sociedade”, destacou.

Fonte: Blog do Callado

Nenhum comentário:

Postar um comentário



imagem-logo