Últimas >>
Drop Down MenusCSS Drop Down MenuPure CSS Dropdown Menu

domingo, 13 de novembro de 2016

Angola celebra os 41 anos de independência no Clube Naval

Presente ao ato, governador Rodrigo Rollemberg destaca a integração cultural e os acordos de cooperação que unem os dois povos. Governo de Brasília doou terreno para construção da embaixada do país.

A embaixada da República de Angola comemorou, nesta sexta-feira (11), os 41 anos de independência do país – até 1975, a nação era uma colônia portuguesa. A celebração ocorreu no Clube Naval e reuniu autoridades dos governos angolano e brasileiro.O secretário-geral do Ministério de Relações Exteriores do Brasil, Marcos Galvão; o governador de Brasília, Rodrigo Rollemberg; e o embaixador da república de Angola no Brasil, Nelson Cosme. 

Presente, o governador de Brasília, Rodrigo Rollemberg, ressaltou a integração cultural e os acordos entre os dois povos. “Eu tive o privilégio de ter dado o passo importante para garantir o terreno onde Angola vai construir a embaixada“, lembrou ele.

Segundo o secretário-geral do Ministério de Relações Exteriores do Brasil, Marcos Galvão, o País foi o primeiro a reconhecer a independência da ex-colônia portuguesa. “Brasil e Angola são mais do que parceiros internacionais, são irmãos de laços de sangue, pela cultura e história”
"Brasil e Angola são mais do que parceiros internacionais, são irmãos de laços de sangue, pela cultura e história"Marcos Galvão, secretário-geral do Itamaraty

O embaixador da república da Angola no Brasil, Nelson Cosme, comemorou a proclamação da independência do país que, segundo ele, vem sofrendo com a crise global. “Atualmente, passamos por um momento de dificuldade para manter a estabilidade econômica”.
Senai Brasil Fashion no Museu da República

Ainda nesta noite, o governador de Brasília prestigiou a terceira edição do Senai Brasil Fashion, realizada no Museu Nacional da República. O desfile apresenta peças criadas por estilistas do projeto de Educação Profissional, do Serviço Nacional da Indústria (Senai).
R$ 100 bilhõesMovimento da indústria têxtil no Brasil por ano

Doze alunos da instituição tiveram os trabalhos sobre vestuário inspirados pelos estilistas Alexandre Herchcovith, Lenny Niemeyer, Ronaldo Fraga e Lino Villaventura.

Rollemberg ressaltou a importância da moda para a economia e para a cultura.

“É uma indústria que desperta cada vez mais interesse de muita gente, movimenta os talentos a usar a criatividade e inovação”, disse. De acordo com o Senai, o setor têxtil e de vestuário movimenta mais de R$ 100 bilhões por ano no Brasil.
Agência Brasília
Foto: Pedro Ventura

Nenhum comentário:

Postar um comentário



imagem-logo