Últimas >>
Drop Down MenusCSS Drop Down MenuPure CSS Dropdown Menu

terça-feira, 8 de novembro de 2016

Ação em terreno próximo a escola do Gama é uma das primeiras do Cidades Limpas

Iniciativa da Secretaria das Cidades fica na região até 18 de novembro com a participação de diversos órgãos do governo.

O Gama é a primeira região administrativa a receber ações do programa Cidades Limpas, do governo de Brasília. O trabalho se iniciou na manhã desta segunda-feira (7) com a poda de uma árvore que atrapalhava a visão de um pardal de trânsito no Setor Central, próximo ao Estádio Walmir Campelo Bezerra (Bezerrão). Houve retirada de galhos e de lixo na área verde atrás do Centro de Ensino Fundamental 4, além de outras intervenções pontuais na região administrativa.Programa Cidades Limpas promoveu retirada de galhos e de lixo na área verde atrás do Centro de Ensino Fundamental 4, além de outras intervenções pontuais na região administrativa. 

A iniciativa da Secretaria das Cidades conta com a parceria de diversos órgãos da administração pública e foi lançada hoje em cerimônia em frente ao Instituto Federal de Brasília (IFB). O governador de Brasília, Rodrigo Rollemberg, participou do evento e comentou a importância dos trabalhos. “Além da própria limpeza e do embelezamento do Gama, é uma medida para o controle da dengue. Estamos intensificando a prevenção em todo o DF.”
“Além da própria limpeza e do embelezamento do Gama, é uma medida para o controle da dengue. Estamos intensificando a prevenção em todo o DF”Rodrigo Rollemberg, governador de Brasília

As ações do Cidades Limpas, que se estenderão a outras regiões, têm como foco a poda e a renovação de jardins para atender demandas da população em todo o Distrito Federal. “Com o programa, o governo dá respostas às demandas da comunidade”, explicou o secretário da pasta, Marcos Dantas.

Participam também a Companhia Urbanizadora da Nova Capital do Brasil (Novacap), o Serviço de Limpeza Urbana (SLU), a Companhia Energética de Brasília (CEB), o Departamento de Trânsito do DF (Detran-DF), a Agência de Fiscalização do DF (Agefis), a Vigilância Ambiental e a equipe do programa Mãos Dadas, da Secretaria da Segurança Pública e da Paz Social.

No Gama, atuam até 18 de novembro cerca de 130 funcionários da administração pública e de empresas terceirizadas. Segundo a administradora regional do Gama, Maria Antônia Magalhães, a região tinha a segunda maior incidência de dengue do DF. “Graças a ações constantes, diminuímos esse índice, e o programa vem para dar um reforço”, disse.

Foto Gabriel Jabur/Agência Brasília

Nenhum comentário:

Postar um comentário



imagem-logo