Últimas >>
Drop Down MenusCSS Drop Down MenuPure CSS Dropdown Menu

sábado, 22 de outubro de 2016

65% das casas afetadas por temporal em Samambaia são recuperadas

Força-tarefa teve reforço nesta sexta-feira (21), com 873 pessoas envolvidas no auxílio aos moradores para a recuperação dos imóveis danificados pelas chuvas. Trabalho continua no fim de semana.

Cerca de 65% das casas afetadas pelo temporal em Samambaia já estão estruturadas e em condições de habitação. De um total de 1,28 mil residências atingidas pelas chuvas e por ventos de 60 quilômetros por hora registrados na madrugada de quinta-feira (20), em dois dias, 832 foram recuperadas e receberam telhado novo.Equipe da CEB trabalha para restabelecer o fornecimento de energia.

O êxito no socorro à região é fruto do trabalho dos moradores com o auxílio daforça-tarefa montada com integrantes de vários órgãos do governo, que elevou de 500 para 873 o número de pessoas envolvidas nesta sexta-feira (21), entre servidores e internos do sistema socioeducativo, além da mobilização de cerca de 200 viaturas. O trabalho prossegue no fim de semana e nos próximos dias, até a completa normalização da rotina no local.

Para a população em situação de vulnerabilidade, foram distribuídas cerca de 800 cestas básicas e 1,2 mil telhas. A rede elétrica das residências voltou a funcionar, com ocorrências esporádicas.
"Vamos continuar mobilizados, o ritmo não para até que tudo volte ao normal"Marcos Dantas, secretário das Cidades

As equipes da Companhia Energética de Brasília (CEB) continuarão o trabalho durante a noite de hoje (21) e o fim de semana até a reconstrução de todas as redes danificadas.

Servidores da Companhia Urbanizadora da Nova Capital do Brasil (Novacap) também permanecerão em Samambaia no fim de semana para concluir o trabalho de podas de árvores e recolhimento de lixo e entulho, que conta com o apoio do Serviço de Limpeza Urbano (SLU).

No caso da Novacap, a empresa é responsável pela reconstrução dos muros das escolas atingidas. O SLU manterá a operação neste sábado (22) com 250 funcionários, 15 caminhões e duas pás carregadeiras de lixo.
Controle rigoroso para que doações cheguem a quem precisa

“Vamos continuar mobilizados, o ritmo não para até que tudo volte ao normal”, reforçou o secretário das Cidades, Marcos Dantas. O titular da pasta que coordena a ação integrada de governo destacou ainda que o momento é de incentivar as doações e controlá-las para que a distribuição seja efetiva e chegue aos que mais precisam.

O trabalho integrado conta com o apoio do Corpo de Bombeiros Militar do Distrito Federal; da Polícia Militar; da CEB; da Novacap; do SLU e da Administração Regional de Samambaia, além das Secretarias do Trabalho, Desenvolvimento Social, Mulheres, Igualdade Racial e Direitos Humanos e da Segurança Pública e da Paz Social.
Reforço na segurança depois do temporal

A Polícia Militar continua o trabalho ostensivo de segurança, com reforço das Rondas Ostensivas Táticas Metropolitanas (Rotam), da Patrulha Tático Móvel (Patamo) e do Regimento de Cavalaria (RPMon), com foco nas ruas onde houve queda de estruturas.

São 122 policiais mobilizados para atender a população. Nesta sexta-feira (21), não houve nenhuma ocorrência, como saque, relacionada ao fenômeno meteorológico.A Polícia Militar reforçou o efetivo na região. São 122 policiais mobilizados para atender a população. Foto: Tony Winston/Agência Brasília

Até agora, o Departamento de Trânsito do Distrito Federal (Detran-DF) substituiu 12 placas de trânsito e recuperou outras 14 no próprio local onde estavam instaladas.

De acordo com a autarquia, todos os semáforos estão funcionando, e um equipamento de medição de velocidade parou de funcionar depois da chuva, mas já está sendo consertado. Agentes continuarão no local durante o fim de semana com duas viaturas.
Reconstrução dos telhados e doações

As quadras mais afetadas pela chuva foram as 113, 115, 121, 219, 315 e 317, em especial as duas primeiras. Para minimizar os danos, a Administração Regional de Samambaia organizou campanha de doação de materiais de construção.

Nesta sexta-feira (21), a entrega de donativos de empresários foi feita no ginásio de esportes, no Setor Urbano, Quadra 301, em frente à administração regional.

O empresário Osvaldo Marangon, de 59 anos, doou 6 mil telhas. Morador de Taguatinga, ele passava de manhã pela região e aproveitou o material que tinha estocado. “Estou com 10 mil telhas, sendo que só 4 mil terão uso, tenho que doar para quem precisa”, disse.
Durante o fim de semana, a Defesa Civil, com apoio da administração regional, continuará a entrega de telhas nos endereços das pessoas atingidas

As doações foram levadas para o parque de serviços da administração, na Quadra 117, atrás do Centro Olímpico Rei Pelé. O material seguiu em caminhões para as casas afetadas pelo temporal.

O auxiliar de serviços gerais Paulo André Lucas de Almeida, de 42 anos, recebeu 13 telhas. “O socorro foi rápido, e esse material será útil”, resumiu o morador da 115, enquanto preparava o ambiente para reconstruir a residência, danificada após tijolos do comércio adjacente caírem sobre o telhado.

Durante o fim de semana, a Defesa Civil, com o apoio da administração regional, prosseguirá com a entrega de telhas mediante doações, diretamente nos endereços das pessoas atingidas.Para reconstruir o telhado danificado durante o temporal, o auxiliar de serviços gerais Paulo Andre de Almeida, de 42 anos, recebeu a doação de 13 telhas. Foto: Tony Winston/Agência Brasília

Vários setores contribuíram na ajuda às vítimas. O Banco de Alimentos da Centrais de Abastecimento do Distrito Federal (Ceasa) doou na manhã desta sexta-feira (21) 1 tonelada de gêneros não perecíveis à Paróquia Nossa Senhora das Graças, que está engajada no socorro aos prejudicados pelo temporal.
Atendimentos no Creas de Samambaia

Desde a quinta-feira (20), distribuíram-se 1,2 mil senhas para moradores prejudicados pela tempestade que precisavam do Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas).

Desses, 800 já foram atendidos para avaliar a necessidade do benefício financeiro a famílias em vulnerabilidade e reconstrução das casas. O atendimento continuará durante todo o fim de semana: no sábado (22), das 8 às 17 horas, e, no domingo, das 8 horas até o meio-dia.O atendimento no Creas será mantido no fim de semana. Foto: Tony Winston/Agência Brasília

Para isso, foram mobilizados 35 servidores da Secretaria do Trabalho, Desenvolvimento Social, Mulheres, Igualdade Racial e Direitos Humanos.

O Creas fica na QN 419, Área Especial 1. Nesta sexta-feira (21), também foi entregue à família o auxílio para sepultamento do homem de 32 anos que morreu durante a tempestade.
Escolas devem voltar a funcionar na segunda-feira (24)

A retomada do funcionamento nas 25 unidades de ensino atingidas de alguma forma pelas chuvas também é prioridade. Do total, nove escolas ainda passam por reparos que envolvem podas de árvores, reconstrução de muros e recuperação da área interna. São elas: ECs 111, 317, 415, 425, e 511; CEE 1; CEI 307; CED 619 e Caic Ayrton Senna.

Naquelas em que os reparos já foram concluídos, a Defesa Civil trabalhará sob demanda na reavaliação dos espaços. A ideia é que todas as unidades voltem a atender os alunos na segunda-feira (24).

No caso das que ainda passam por reforma, o objetivo da Secretaria de Educaçãoé que voltem a funcionar ainda que de forma parcial, com remanejamento de estudantes.
Temporal não impede Mutirão da Cidadania

Os estragos causados pelas fortes chuvas não criaram impedimento para o Mutirão da Cidadania, previamente marcado para este sábado em Samambaia, no CEF 411, das 9 às 17 horas. Diversos órgãos da administração pública e entidades privadas participarão da ação de atendimento à comunidade.

Em um momento de reconstrução e socorro às vítimas, essa quarta edição do evento facilitará o acesso da população a uma série de serviços públicos. Será possível, por exemplo, abrir chamados para reparos nas redes elétrica e hidráulica, além de participar de consultas médicas, odontológicas e de atendimentos jurídicos e psicológicos.

A ação é promovida pela Secretaria de Justiça e Cidadania, em parceria com outros órgãos, como ouvidorias do governo de Brasília, CEB, Companhia de Saneamento Ambiental (Caesb), Transporte Urbano do Distrito Federal (DFTrans), Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), Detran-DF, Instituto de Defesa do Consumidor do Distrito Federal (Procon-DF), Conselho Tutelar e Defensoria Pública.

Mutirão da Cidadania em Samambaia
No CEF 411 (QN 411, Área Especial 1)
Em 22 de outubro (sábado)
Das 9 às 17 horas

Agência Brasília
Foto: Tony Winston

Nenhum comentário:

Postar um comentário



imagem-logo