Últimas >>
Drop Down MenusCSS Drop Down MenuPure CSS Dropdown Menu

domingo, 8 de novembro de 2020

Presidente do Inas-DF estuda possibilidade da Polícia Militar vir a ser beneficiária do Plano de Saúde dos Servidores do GDF

Representantes da PMDF junto com presidente do Inas-DF, Ney Ferraz, para tratar sobre a inclusão da corporação no Plano de Saúde dos Servidores
Em reunião com representantes da corporação, Ney Ferraz avaliou a proposta que deve atender a policiais que estão na ativa, inativos e dependentes

O presidente do Instituto de Assistência à Saúde do DF (Inas-DF), Ney Ferraz Júnior se reuniu, na tarde desta sexta-feira (6), com representantes da Polícia Militar do DF (PCDF) para tratar sobre a possibilidade da corporação vir a fazer parte do grupo de servidores público do DF que está apto a ter acesso ao Plano de Saúde dos Servidores do GDF.

Conforme informações divulgadas, a conversa foi produtiva e o Inas-DF agora passa a estudar as maneiras de ingressar os policiais na lista de beneficiários. O Plano de Saúde foi lançado no final do mês de outubro e é destinado aos servidores da ativa, inativos e dependentes.

Em entrevista durante o lançamento do plano, o presidente do Inas-DF disse que cerca de 600 mil servidores seriam beneficiados com a proposta. “O plano de saúde do GDF tem uma capacidade de atender até 500 [mil], ou, quem sabe, até 600 mil vidas, a depender somente de concluir os convênios com as forças policiais. Será, sem sombra de dúvida, um dos cinco maiores planos do Brasil”, destacou Ney Ferraz.

A adesão ao plano não será compulsória, cabendo ao servidor decidir se quer ou não ingressar. No caso de servidores comissionados, ele poderá usar o plano por até três meses após a exoneração do cargo.

Fonte Blog do Ulhoa

Nenhum comentário:

Postar um comentário



imagem-logo