Últimas >>
Drop Down MenusCSS Drop Down MenuPure CSS Dropdown Menu

quinta-feira, 22 de fevereiro de 2018

Biblioteca Paulo Bertran inaugura novo ponto de leitura

A Biblioteca Paulo Bertran inaugurou, nesta terça-feira (20), mais um Ponto de Leitura, desta vez no 5º andar da sede da CLDF, para uso dos visitantes e servidores que circulam por lá. Formado com livros doados pelos servidores da Câmara Legislativa, o Ponto de Leitura tem um mecanismo simples: qualquer leitor escolhe o volume de seu interesse, anota os dados em um formulário, leva o livro e devolve ao término da leitura ou da pesquisa. Com a boa aceitação da proposta, a ideia é expandir a experiência com a instalação de outras unidades.

A diretora da Biblioteca, Cleide Soares, observa que a proposta dos pontos de leitura é altamente solidária e aberta à toda população, cujo espaço colaborativo tem proposta de empréstimo totalmente consciente: "você escolhe, você anota, você leva, você lê no seu tempo e devolve quando terminar de ler. E pega outro livro Ah! Não precisa ser servidor! É para todos! Conheça os títulos disponíveis nas estantes no foyer, no TI, no refeitório e agora no 5º andar. Ler é muito bom! E melhor um livro compartilhado que um livro empoeirado. Doe livros também! Para falar conosco: e-mail biblioteca@cl.df.gov.br ou telefone - 3348-9235".

Descarte - A Biblioteca Paulo Bertran convida servidores da CLDF e interessados para avaliar o descarte de obras literárias e ajudar como puder. "Descarte" é toda obra que não fará parte dos acervos mantidos pela Biblioteca e que são colocados à disposição para doação (ou reciclagem). Estão disponíveis obras:

► da BIBLIOTECA – que adquire novas edições ou recebe obras que não se encaixam à temática do acervo ou em grande número de exemplares

► e do PONTO DE LEITURA – que recebeu materiais diversos, dentre os quais: apostilas de concurso, livros de 1º e 2º grau e outros de áreas específicas como informática, fotografia, arte, etc.

"O ideal seria termos disponibilidade para selecionar bibliotecas ou instituições com cada perfil e viabilizar a entrega aos possivelmente interessados. Porém, não temos condições para tal. Mas juntos somos mais! E talvez você, ou seu filho, um amigo ou mesmo a biblioteca ou escola de seu bairro tenha interesse por alguma obra que está aqui para doação! Caso a publicação não sirva a ninguém, será reciclada como papel velho e aproveitada de alguma forma", ressalta Cleide.

José Coury Neto
Foto: Natália Mendes
Comunicação Social - Câmara Legislativa

Nenhum comentário:

Postar um comentário



imagem-logo