Últimas >>
Drop Down MenusCSS Drop Down MenuPure CSS Dropdown Menu

sexta-feira, 15 de setembro de 2017

Curtas produzidos por alunos da rede pública serão exibidos em sessão aberta

Projeções ocorrerão nos dias 16 e 23 deste mês, em Brazlândia e no Recanto das Emas

Nos dois próximos sábados, estudantes do ensino médio de duas escolas da rede pública exibirão, em sessões abertas e gratuitas, os curtas-metragens que produziram em agosto e setembro deste ano.Com direção de alunos do Centro Educacional 3 de Brazlândia, o curta Sonho de menina conta a história de uma dançarina de hip-hop que superou dificuldades em busca de realizações na carreira. Foto: Toninho Tavares/Agência Brasília

Com direção de alunos do Centro Educacional 3 de Brazlândia, o curta Sonho de menina conta a história de uma dançarina de hip-hop que superou dificuldades em busca de realizações na carreira.

Já Um certo Luiz, dirigido por estudantes do Centro de Ensino Médio 804 do Recanto das Emas, explora o dia a dia do diretor da unidade de ensino.

Em Brazlândia, na quarta-feira (13), os alunos do projeto assistiram pela primeira vez ao material que produziram. Eles receberam fôlderes para divulgar o evento e atrair público para a exibição gratuita.
"O Canto do meu canto é um convite para que cada um expresse o que vê ao redor"Nina Rodrigues, idealizadora do projeto

A ação faz parte do projeto O Canto do meu canto, contemplado em edital de 2016 do Fundo de Apoio à Cultura do Distrito Federal (FAC-DF).

Nas oficinas, os estudantes passaram por momentos de teoria e prática, defenderam temáticas para a produção audiovisual e escreveram roteiros, por exemplo.

“Aprendemos muita coisa nova, e o que eu mais gostei foi a voz em off”, contou o estudante do 2º ano de Brazlândia Lucas Ventura, de 16 anos, sobre a técnica em que personagem ou narrador falam sem aparecer em cena.

Lucas ressaltou ainda que o conteúdo repassado pode ajudar em outras atividades, dentro e fora da escola. Para o futuro, no ensino superior, ele contou ter planos para fazer algum curso relacionado às artes.
Oficinas cinematográficas

Diretor da escola, Ricardo Vieira Cardoso destacou a importância das oficinas na unidade: “No ano passado, começamos com um projeto de curtas e documentários, e essa atividade só veio a acrescentar”.

A idealizadora do projeto, Nina Rodrigues, explicou a relação do nome da iniciativa à proposta do trabalho: “O Canto do meu canto é um convite para que cada um expresse o que vê ao redor. O cantar que está no nome do projeto tem a ver com autoexpressão artística; o canto deles no mundo”.

De acordo com ela, a exibição aberta dos materiais é o ápice do trabalho. “Fico gratificada de poder levar para praça pública, para que eles percebam que cinema é isso. Seria muito diferente se a gente apenas visse em sala de aula o que foi feito”, completou Nina.


Sessões abertas e gratuitas para exibição de curtas e outras produções



Brazlândia

Sonho de menina, com direção de alunos do Centro Educacional 3 de Brazlândia

Um certo Luiz, com direção de alunos do Centro de Ensino Médio 804 do Recanto das Emas

Pique salva e Direção cega, com direção de Antonio Balbino

16 de setembro (sábado)

Às 18h30

Na Feirinha da Vila (Vila São José, Brazlândia)

Classificação indicativa: livre



Recanto das Emas

Um certo Luiz, com direção de alunos do Centro de Ensino Médio 804 do Recanto das Emas

Branco sai, preto fica, com direção de Adirley Queirós

23 de setembro (sábado)

Às 18h30

No pátio do Centro de Ensino Médio 804 do Recanto das Emas (Quadra 804, Lote 1, Área Especial)

Classificação indicativa: livre

Nenhum comentário:

Postar um comentário



imagem-logo