Últimas >>
Drop Down MenusCSS Drop Down MenuPure CSS Dropdown Menu

domingo, 18 de setembro de 2016

Moradores recebem escrituras de lotes em São Sebastião

Foram entregues 1.263 escrituras públicas de doação no evento, que contou com a participação do governador Rodrigo Rollemberg.

Moradora do Residencial Oeste, em São Sebastião, a auxiliar de serviços gerais Maria Alecrim da Silva, 52 anos, foi a primeira a receber, durante cerimônia no Centro Olímpico e Paralímpico da região administrativa na manhã deste sábado (17), a escritura do lote em que vive há 3 anos, com o filho. “O sentimento é de pura felicidade.Moradora do Residencial Oeste, em São Sebastião, Maria Alecrim da Silva recebeu a escritura das maõs do governador Rollemberg e do secretário de Gestão do Território e Habitação, Thiago de Andrade. Foto: Toninho Tavares/Agência Brasília

Vai melhorar muito nossa vida”, afirmou Maria. Ao todo, foram entregues 1.263 escrituras públicas de doação no evento, que contou com a participação do governador Rodrigo Rollemberg.

“Nós queremos crescer de forma regularizada porque isso é fundamental para garantir qualidade de vida para o conjunto da população. Esse é um dos pilares fundamentais da nossa política habitacional que está sustentada em três pilares. O combate rigoroso à grilagem de terra, a regularização fundiária com a entrega de escrituras e a oferta de unidades habitacionais”, afirmou Rolemberg durante o evento.
Os lotes estão em áreas que fazem parte do projeto Urbanístico 114

Os lotes estão distribuídos em sete bairros: Residencial Oeste, Morro Azul, Bonsucesso, Centro, São Bartolomeu, Tradicional e Bora Manso. As áreas fazem parte do projeto Urbanístico 114 – aprovado pelo Decreto n° 35.855, de 29 de setembro de 2014 – e correspondem a uma das quatro glebas em que São Sebastião foi dividida em 2009, com o objetivo de planejar a regularização da região administrativa. Os bairros concentram 7,4 mil lotes residenciais e 28 mil habitantes.

Segundo o diretor de regularização da Companhia de Desenvolvimento Habitacional do Distrito Federal (Codhab), 500 escrituras já foram entregues e, até o fim do ano, a previsão é de que esse número chegue a 7 mil. “Com o documento, os moradores têm a propriedade valorizada, podem fazer melhorias e fica mais fácil para eles pegarem empréstimos”, explica.

Estiveram presentes à entrega das escrituras o diretor-presidente da Companhia Urbanizadora da Nova Capital (Novacap), Júlio Menegotto; o presidente da Agência de Desenvolvimento do DF (Terracap), Júlio César de Azevedo Reis; os secretários deInfraestrutura e Serviços Públicos, Antônio Coimbra; das Cidades, Marcos Dantas; de Gestão do Território e Habitação, Thiago de Andrade; o administrador de São Sebastião, Waldir Soares Cordeiro; e os deputados distritais Lira (PHS) e Rodrigo Dalmasso (PTN).


EDIÇÃO: GISELA SEKEFF

Nenhum comentário:

Postar um comentário



imagem-logo