Últimas >>
Drop Down MenusCSS Drop Down MenuPure CSS Dropdown Menu

terça-feira, 19 de julho de 2016

Implosão de rocha provocará mudanças no trânsito na saída norte

Dênio Simões/Agência Brasília

O fluxo de carros em um trecho de 5,2 quilômetros entre o balão do Torto e o do Colorado será bloqueado a partir das 14h30 deste domingo (17). O Departamento de Estradas de Rodagem (DER) fechará a via para garantir a segurança dos condutores durante a implosão de uma rocha no sentido Planaltina-Plano Piloto. A operação é necessária para realização das obras da Ligação Torto-Colorado e do Trevo de Triagem Norte, que devem desafogar o trânsito na região norte, onde mais de 100 mil motoristas transitam todos os dias.

Os motoristas que quiserem ter acesso à parte norte de Brasília (Planaltina, Sobradinho e condomínios nas regiões) deverão contornar pelo Varjão, pelo Lago Norte e pelo Paranoá em sentido ao balão do Colorado. Essa é a principal rota alternativa para quer acessar a região.

Para o condutor que estiver em São Sebastião ou no Jardim Botânico, a recomendação é seguir pela barragem do Lago Paranoá, seguindo pelo Itapoã em direção ao balão do Colorado. Quem sair de Brazlândia terá a opção de seguir pela DF-430 até a DF-001, que dará acesso ao balão. O trajeto inverso poderá ser feito pelos motoristas que saírem de Sobradinho ou de Planaltina.

De acordo com o Transporte Urbano do Distrito Federal (DFTrans), as linhas de ônibus que seguem para os locais, no horário do bloqueio, vão seguir o fluxo de veículos na via.

Obras do Trevo de Triagem Norte e da Ligação Torto-Colorado

São 12 obras no Trevo de Triagem Norte, entre pontes, viadutos e túneis, feitas para distribuir o fluxo de veículos com destino ao Plano Piloto, levando ao Eixo Rodoviário Norte-Sul, à W3, aos Eixinhos Leste e Oeste e à L2. Somadas às passagens previstas na Ligação Torto-Colorado — construção de uma pista marginal à DF-003 e novos acessos aos condomínios —, serão 23 intervenções.

No total, as obras vão custar R$ 207 milhões — R$ 146 milhões vêm do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), com R$ 51 milhões de contrapartida do governo de Brasília e R$ 10 milhões da Agência de Desenvolvimento do DF (Terracap).

A primeira parcela do financiamento do banco federal, de R$ 10 milhões, foi liberada em junho. Os repasses serão trimestrais, até o fim das obras — a do Trevo de Triagem Norte deve estar concluída em 24 meses e a da Ligação Torto-Colorado, em 17.

Nenhum comentário:

Postar um comentário



imagem-logo