Últimas >>
Drop Down MenusCSS Drop Down MenuPure CSS Dropdown Menu

domingo, 17 de julho de 2016

Educação científica vai receber R$ 4 milhões do governo de Brasília

Foto: Dênio Simões

A educação científica ganhará aporte para desenvolvimento em instituições de ensino e em espaços como parques e museus de Brasília. A Fundação de Apoio à Pesquisa do Distrito Federal lançou nesta sexta-feira (15) dois editais para o investimento total de R$ 4 milhões em projetos para a área. O anúncio foi feito no Jardim Botânico de Brasília, quando ainda foi apresentado o Guia Turístico Científico de Brasília.

Em um dos editais, 30 órgãos que formam a Rede Distrital de Educação e Divulgação Científica terão a oportunidade de receber até R$ 600 mil para aprimorar seus ambientes, conhecidos como espaços de educação científica não formais. O investimento total será de R$ 1,5 milhão, e a verba será para capital (compra de equipamentos e material bibliográfico) e custeio (bolsas de estudo e eventuais pagamentos de serviços terceirizados).

Rollemberg assina decreto para oficializar a Rede Distrital de Educação e Divulgação Científica

A rede foi instituída oficialmente na mesma cerimônia que foi anunciado o lançamento dos editais, por decreto assinado pelo governador Rodrigo Rollemberg. Ela é composta por museus, unidades de conservação e parques, como o Jardim Zoológico de Brasília, a Agência Espacial Brasileira e o Museu do Corpo de Bombeiros do Distrito federal.

Para o edital, só poderá ser inscrita uma proposta por local. Não será permitido gasto com qualquer bonificação a pessoal do órgão beneficiado ou aquisição de mobiliário e aluguel de imóvel. “Esses avanços expressam um novo rumo para o desenvolvimento de Brasília, que se baseia em cinco pilares principais, cultura, turismo, meio ambiente, tecnologia e educação”, afirmou Rollemberg.

Podem se inscrever pesquisadores, gestores e técnicos ligados a instituições integrantes da rede. Os interessados têm até 29 de agosto para se inscreverem, e o resultado final será divulgado em 14 de outubro.

Feiras e mostras de ciências: investimento de R$ 2,5 milhões
O segundo edital aberto é para apoiar a realização de feiras de ciências e mostras científicas em todo o Distrito Federal. As propostas devem contribuir para o aprendizado e divulgação científica, tecnológica e de inovação para a população, em especial para os estudantes. O período para submissão das propostas começa em 23 de julho, e o investimento total será de R$ 2,5 milhões.

Nenhum comentário:

Postar um comentário



imagem-logo